Blog

Marketing digital imobiliário: saiba como atrair mais clientes

marketing digital imobiliário

O mundo mudou, a tecnologia fez essa mudança ocorrer mais rápido ainda. Com toda essa revolução o impacto foi sentindo em todas as frentes, negócios, relacionamentos, vendas e comunicação. As empresas precisaram se modernizar para acompanhar seus consumidores.

Hoje em dia, simplesmente ignorar a tecnologia e as possibilidades que a internet agrega às estratégias de marketing, por exemplo, é um erro enorme. E esse cenário é especialmente real em segmentos de mercado em que o contato com os clientes se dá de maneira direta. Aí é que entra, portanto, o mercado imobiliário!

Pronto para entender como o marketing digital imobiliário pode ajudá-lo a atrair mais clientes para sua imobiliária, com exemplos práticos de sua utilização? Conheça sobre as tendência de mercado imobiliário e aprenda como utilizá-la em suas estratégias de negócio!

Afinal, o que é o marketing digital imobiliário?

O marketing digital imobiliário pode ser entendido como o conjunto de táticas de divulgação e ações de merchandising que as empresas situadas neste segmento utilizam para ganhar mais credibilidade, atrair público e fidelizar antigos clientes. Como resultado, são esperados o aumento nas vendas, locações e na procura por negociações.

Em tempos tão competitivos quanto os dias de hoje, trata-se de uma poderosa ferramenta para estabelecer e maximizar os esforços da empresa na superação dos desafios que surgirão, naturalmente, na sua atuação normal. Com o advento da tecnologia e a popularização da internet, é preciso modernizar constantemente as estratégias de publicidade.

Qual a importância do marketing digital imobiliário?

Agora que você já entendeu um pouco melhor o conceito de marketing imobiliário, chegou a hora de compreender a importância que esse tipo de estratégia tem nos resultados do seu negócio. Como dissemos, em tempos tão competitivos quanto os dias de hoje, é preciso apostar em táticas eficazes para atrair clientes e se diferenciar da concorrência.

Há poucos anos, isso era um desafio ainda maior, sobretudo em empresas menores, que não tinham recursos suficientes para competir com as gigantes do mesmo ramo. No entanto, a internet equalizou um pouco mais essa disputa, fazendo com que as ações possam ser melhor direcionadas e menos oneroso, sobretudo nas redes sociais.

A tecnologia mudou a rotina de praticamente todo o mundo e, atualmente, é bem pouco provável que alguém saia de casa para procurar um imóvel para locar ou comprar, por exemplo. Dessa maneira, quem tem uma boa presença no Instagram, no Facebook, uma boa lista de e-mails ou mesmo um bom site institucional pode se dar muito bem e sair na frente.

Como se não bastasse, existe outra possibilidade que não pode ser desprezada, que é a de se mostrar proeminente para o público por meio de uma ajuda que, eventualmente, nem é percebida. Isso acontece com a produção de conteúdo de relevância, com postagens e publicações que ajudem a responder questões e solucionar dores.

Além de serem opções de custo reduzido, o marketing digital imobiliário e a produção do marketing de conteúdo permitem, via de regra, uma comunicação muito mais eficaz com as pessoas, sobretudo as que estão na sua carteira de clientes ou que tem a possibilidade de fazer parte dela, devido ao alto poder de engajamento.

Como funciona o marketing digital imobiliário?

A forma pela qual o marketing digital imobiliário funciona dependerá de muitos fatores, sobretudo do posicionamento da sua empresa no mercado, do perfil de cliente que você deseja atingir e das práticas que você deseja adotar. Entretanto, existem alguns parâmetros e ações que são triviais para praticamente todas as escolhas.

A maioria dos clientes que usam a internet acreditam que as empresas que produzem conteúdo são mais comprometidas em manter uma relação com seus clientes, pois estão mais ativas nas redes sociais, diferente das marcas que não apostam nesta atividade. Situação que não deixa de ser uma verdade, tendo em vista que essa é uma das tendências que os líderes de qualquer segmento acabam seguindo.

Realizar um blog e fornecer informações relevantes para o seu público é uma forma de mostrar que sua empresa está ali para ajudar. Dessa forma você mostra autoridade no assunto, auxilia o seu cliente e consequentemente gera vendas.

O blog pode conter conteúdos sobre dúvidas, dicas, erros comuns e tudo que engloba o universo de compra e locação de imóveis. Pode ser conteúdos relacionados com a burocracia desse processo até dicas de decoração. Dessa forma você leva a solução para o seu cliente, cria lembrança de marca na mente dele e no fim gera venda para o seu negócio.

O fato é que a internet é o meio comum para quem quer se diferenciar e sobreviver em um ramo tão competitivo. Será preciso entender qual é o mote do seu negócio e de quais formas você quer atingir o seu público-alvo, direcionando os seus recursos para a criação do seu site, a gestão de redes sociais, anúncios pagos e assim por diante.

Quais são as melhores práticas do marketing digital imobiliário?

Você já entendeu melhor o conceito de marketing digital imobiliário e compreendeu o seu funcionamento, assim como a sua importância para o sucesso do seu empreendimento. Naturalmente, você deve estar pensando em implantá-lo e, por isso, vamos elencar algumas das suas melhores práticas. Veja abaixo.

Mantenha seu site atualizado
Sem sombra de dúvidas, uma das melhores práticas do marketing imobiliário é a criação e a atualização constante do site oficial da sua empresa. Tenha em mente que esse é o endereço virtual do negócio e um ponto seguro para os clientes que buscam informações e desejam atestar a credibilidade que você pode oferecer.

Por isso, o ideal é que as páginas tenham navegação fácil e contenham todos os dados que o internauta pode procurar, como o telefone e as demais formas de contato, os números dos registros profissionais, CNPJ e assim por diante. Também vale à pena apostar no design responsivo, pois muita gente acessa a partir de celulares e tablets.

Invista nas redes sociais
O marketing por meio das redes sociais é uma das grandes tendências do momento e a sua empresa não pode ficar de fora. Para um bom marketing digital imobiliário, você precisa gerenciar bem as contas oficiais, pelo menos nas principais mídias do gênero, que no Brasil são o Facebook, Twitter, Instagram e até mesmo o Youtube.

São locais que pavimentam o caminho para um relacionamento com seus potenciais consumidores e permitem que você divulgue não apenas os imóveis disponíveis, como também o posicionamento do seu negócio. Porém, é preciso fazer tudo com muito cuidado e você deve pensar também na estratégia de anúncios pagos, chamados de ads.

Use o marketing de conteúdo
Como dissemos, o marketing de conteúdo é uma forma de oferecer a solução para algumas necessidades dos seus clientes em potencial e essa é uma estratégia muito utilizada no mercado imobiliário. Existem muitas maneiras de fazer isso e as redes sociais oferecem opções de publicação, mas a grande tática ainda é a criação de um blog.

Neste espaço, você pode postar dicas e informações sobre áreas relacionadas com o seu ramo, como decoração, design, engenharia e até empreendedorismo. É uma forma de gerar autoridade, educar seu público e, com as linkagens e direcionamentos corretos, ganhar muito mais contatos e acessos ao site da sua imobiliária.

Conheça o poder do CRM
Você já ouviu falar em CRM? Se a resposta para esta pergunta for negativa, é bem provável que você esteja perdendo espaço para a concorrência. A sigla em inglês quer dizer Customer Relationship Management ou, em uma tradução livre para o português, algo como “Gerenciamento do Relacionamento com os Clientes”.

Trata-se de uma solução tecnológica que ajuda a centralizar informações e produz um acesso sistematizado aos dados dos contatos e dos imóveis, agilizando suas negociações.

Descubra o potencial do e-mail
Há alguns anos, com a popularização de aplicativos de comunicação e outras formas de mensagem, muitas pessoas passaram a achar que o e-mail estava com os dias contados. No entanto, o tempo foi passando e o que se viu foi que esta é uma ferramenta sólida, experimentada e que continua a fazer parte do dia a dia de quase todo mundo.

Pensando por esse prisma, é natural supor que o correio eletrônico pode ser uma boa opção de marketing digital imobiliário. Por ali, você pode enviar mensagens segmentadas, bolar anúncios específicos e até mesmo criar indicadores de abertura. Só não se esqueça que, para montar a sua lista, você precisa de expressa autorização do cliente.

Valorize o poder da indicação
Os incríveis benefícios do marketing digital não diminuem a importância do tradicional e antigo “boca a boca”. O meio virtual pode ajudar nesse contexto, visto que facilita o envio de mensagens entre conhecidos e até mesmo facilita o compartilhamento de links e arquivos, que podem ser fotografias, anúncios ou outros elementos.

O papel da imobiliária inteligente é facilitar essa relação, criando um bom ambiente de negócios. Os corretores e demais profissionais precisam estar disponíveis e em sintonia com as necessidades do público. Além disso, é essencial aprimorar o relacionamento e até mesmo oferecer recompensas, como brindes ou futuros descontos em negociações.

Quais os erros que devem ser evitados no marketing digital imobiliário?

Agora que você já conheceu algumas das melhores dicas para fazer um excelente marketing digital imobiliário, vamos aumentar os seus conhecimentos mostrando alguns erros que você não pode se dar ao luxo de cometer. Veja a seguir quais são eles!

Ter medo de investir
O primeiro e, possivelmente, maior dos erros que devem ser evitados no marketing digital imobiliário é, justamente, o medo de investir neste tipo de estratégia. Ninguém discute que é importante fazer uma boa gestão orçamentária, mas também é preciso entender que, para atingir o sucesso que você deseja, é necessário algum dinheiro.

O lado bom da história é que, como dissemos, muitas das ações propostas custam muito pouco e exigem mais criatividade do que recursos financeiros. Entre as alternativas que sempre trazem excelentes retornos, estão os anúncios patrocinados, um bom website e a adoção de uma boa ferramenta de CRM, por exemplo.

Não conhecer seus clientes
Para que qualquer investimento em marketing seja bem sucedido, é essencial um bom conhecimento do público-alvo de cada ação. Afinal, isso permite uma tomada de decisões mais consciente e, principalmente, a destinação de recursos para aquelas alternativas que prometem oferecer o melhor retorno em curto, médio e longo prazos.

Existem muitas formas de conhecer o seu cliente e você pode utilizar desde a sua base de dados de antigas negociações até pequenos questionários, que podem ser enviados por e-mail ou preenchidos ao final de cada transação. Assim, você entende melhor as necessidades, desejos e expectativas de quem sustenta seu negócio.

Usar fotos sem qualidade
Essa é uma questão que pode até parecer banal, mas usar fotos de baixa qualidade é um dos grandes erros que devem ser evitados no marketing digital imobiliário. Muitos interessados em potencial na compra ou locação de uma propriedade podem simplesmente desistir e partir para a concorrência se as imagens divulgadas são de baixo padrão.

A tecnologia de hoje, inclusive, faz deste um grave pecado. Com as câmeras extremamente eficientes dos melhores smartphones, você pode aproveitar a iluminação natural e destacar os pontos positivos de cada cômodo, da fachada e assim por diante. Caso você não consiga fazer isso bem, peça para um de seus corretores executar essa tarefa.

Não dar informações claras
Da mesma maneira que as pessoas estão em busca de fotos de boa qualidade na internet e podem se afastar ao se depararem com imagens ruins, a falta de informações pode ser um tremendo desestimulante para quem deseja comprar ou alugar um imóvel. Por isso, a sua empresa não pode se dar ao luxo de cometer um erro tão banal.

Dados claros e confiáveis demonstram profissionalismo e cuidado por parte da imobiliária. Sendo assim, nos seus anúncios, não hesite em disponibilizar a metragem da propriedade, a localização com detalhes, o número de quartos e banheiros, a presença ou não de vagas de garagem, o preço, a possibilidade de financiamento e assim por diante.

Não ter uma identidade visual
Um dos erros mais comuns e recorrentes que devem ser evitados no marketing digital imobiliário é não ter uma identidade visual. Esse é um aspecto um pouco mais profundo das estratégias de marca, mas que você não pode abrir mão se deseja se diferenciar da concorrência e gerar credibilidade, sobretudo a longo prazo.

Quando o cliente identifica e reconhece os elementos que enxerga, isso proporciona uma conexão automática entre ele e a instituição. Ou seja, é preciso ter um padrão não apenas nos conteúdos, mas também nas cores, nas fontes da escrita, no escritório presencial, no site institucional, nas redes sociais e até mesmo nos anúncios.

Quais as vantagens do marketing digital se comparado ao tradicional?

Para terminar o conteúdo, agora que você já virou quase um especialista no assunto, vamos mostrar as principais vantagens do marketing digital se comparado ao tradicional. Ao conferir quais são, é bem provável que você já queira adotar essas opções no seu negócio. Confira e não perca mais tempo!

Melhor custo-benefício
Uma das principais e talvez a mais celebrada das vantagens das estratégias de marketing digital, quando comparadas às modalidades tradicionais, consiste na obtenção de um melhor custo-benefício. Como falamos, muitas ações virtuais custam bem pouco e permitem que haja um bom investimento, mesmo para quem tem poucos recursos.

Os ads das redes sociais e até mesmo do Google, por exemplo, possuem elementos de escolha que permitem que você direcione a propaganda para o seu bairro, perfil ou cidade de preferência, por exemplo. Além disso, você pode limitar a campanha e escolher alternativas econômicas, como pagar apenas por cada clique obtido.

Reconhecimento de marca
Outra das vantagens do marketing digital se comparado ao tradicional é que há uma maior possibilidade de reconhecimento da sua marca no mercado. Isso ocorre, mais uma vez, porque você pode concorrer com organizações maiores e apostar em estratégias pontuais, gerando credibilidade nos locais e público que realmente interessam.

Lembre-se que, antes de qualquer negociação, os consumidores tendem a tentar encontrar profissionais e empresas de confiança. Quando você gera autoridade, ganha credibilidade e demonstra dominar o setor por meio de conteúdos relevantes, você mostra ter a expertise necessária para auxiliar esse cliente.

Maior geração de leads
Gerar leads é um dos principais objetivos do marketing digital para qualquer negócio. Leads são qualquer pessoa interessada no seu produto ou serviço, que possuem a intenção de adquirir. No marketing imobiliário não é diferente. Se você tem uma lista com dados de pessoas que desejam comprar ou alugar um imóvel, você já tem uma base de leads.

Para coletar mais leads é importante fornecer informações interessante para o seu público em troca de dados de contato. O incentivo em assinar newsletters com novidades, e-book com conteúdos completos sobre determinado tema e formulários de contato são algumas formas. Manter formulários no seu site e criar landing pages pode potencializar a conversão.

Grande impacto digital
Segundo dados referentes a 2019 no Brasil a porcentagem de uso de tecnologias de informação é de 74% da população. O uso dos celular é de 99% das pessoas, sendo 58% apenas por este aparelho. Para as classes D e E o porcentagem é de 85%.

Referente ao uso existe uma parcela para comunicação. Para mensagens instantâneas é de 92%; redes sociais com 76% e chamadas de voz e vídeo 73%.

Para busca por produtos e serviços é 59% e compras online 39%. Esses dados indicam como os consumidores estão ativos e procuram sim resolver suas dores através de informações na internet.

Visibilidade elevada
Por fim, vale reforçar que as ferramentas de marketing digital possibilitam que você tenha uma visibilidade elevada, até mesmo de uma maneira que você nem esperava. Lembre-se que a internet não tem fronteiras e, caso a sua estratégia aponte para esse sentido, você pode ser visto até mesmo em outros continentes.

Mais uma vez, é importante ressaltar que isso não custará nada a mais, devendo ser considerada apenas a sua meta com cada campanha e ação. Atualmente, marcar presença na web deixou de ser uma boa possibilidade e passou a ser uma obrigação. Por isso, você não pode deixar de apostar nesse caminho se deseja ter êxito no mercado.