Blog

Corretores De Imóveis Faturam Alto Com O Bom Momento Do Mercado Imobiliário

O Índice Qualidade de Vida no Trabalho (IQVT), monitoramento feito pela Sodexo durante 2018 e 2019, apurou que os corretores de imóveis são os profissionais mais satisfeitos no trabalho atualmente, liderando o ranking no quesito qualidade de vida. A profissão de corretor de imóveis foi comparada a cargos executivos, de estagiário até presidência, e saiu ganhando. No acumulado da pesquisa, os corretores de imóveis são os mais satisfeitos dentre as dezenas de categorias apuradas.

Esse resultado tem tudo a ver com o reaquecimento do mercado imobiliário. A Câmara Brasileira da Indústria da Construção registrou avanço de 9% nas vendas de imóveis em geral e de 4% nos lançamentos residenciais durante o primeiro trimestre de 2019. Segundo estimativa feita pelo SECOVI-SP, é esperado que o mercado em São Paulo encerre esse ano com 37 a 41 mil unidades lançadas, o que representa alta de 10% em comparação com 2018, quando foram 37 mil.

Porém, mesmo com a retomada da expansão e sua participação obrigatória nas transações imobiliárias, os profissionais da área muitas vezes não possuem formação e treinamento adequados, o que os obriga a aprender o ofício por si mesmos.

A mudança geracional no perfil dos compradores de imóveis, por exemplo, é um dos fatores que obriga corretores a estarem cada vez melhor treinados. Últimas pesquisas sobre o perfil do consumidor de imóveis paulistano apontam que os novos compradores são mais jovens (média de 33 anos) e têm alto grau de escolaridade (76%).

Fonte: Dino